Voce esta aqui: Notícias

Últimas Notícias

Produtor morre eletrocutado no próprio aviário

E-mail Imprimir PDF
AddThis Social Bookmark Button
Um produtor rural de 46 anos morreu nesta quarta-feira na comunidade de Vila Maria, interior de Nova Veneza - SC. Gelson Fiorazante Bonotto, estava mexendo em um equipamento elétrico usado no aviário da família. Ao tocar na máquina ele recebeu uma descarga elétrica e não resistiu. Samu chegou a ser acionado, mas ao encontrar o produtor, nada mais podia ser feito.

Fonte: Redação  Sul Notícias

Granizo no interior de Nova Veneza e Forquilhinha

E-mail Imprimir PDF
AddThis Social Bookmark Button
Por volta das 18 horas de ontem 26/01, moradores do interior de Nova Veneza e Forquilhinha foram surpreendidos com uma rápida precipitação de granizo. As pedras chamaram a atenção mas não chegaram a causar estragos. “Isso acompanha as trovoadas que passam pela região”, confirmou o climatologista Ronaldo Coutinho.

Em 40 dias será paralisado o alojamento de aves

E-mail Imprimir PDF
AddThis Social Bookmark Button

DSCF3780_1.JPG

 

Em busca de diálogo:

Em 40 dias será paralisado o alojamento de aves

Assembléia dos Avicultores em Ipumirim – SC decide que se não houve diálogo com as empresa integradoras em 40 dias será iniciada a paralisação do alojamento nas propriedades de Ipumirim, Arabutâ e Lindóia do sul, região conhecida como vale do frango.

 O Sindicato dos Tralhadores Rurais de Ipumirim realizou ontem a tarde uma assembléia para discutir com os produtores a ações diante da baixa remuneração registrada nos últimos lotes entregues. O custo de produção estabelecido pela EMBRAPA (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) se aproxima de sete mil Reais para um aviário automatizado de 100m². Os produtores reclamam que não estão recebendo o custo da produção. Grande parte deles recebe em torno de 3 a 4 mil Reais por lote e alguns chegam a receber apenas  2 mil Reais.

Estiveram presentes pouco mais de 100 avicultores na assembléia e após mais de 2 horas de discussão foi aprovado que uma comissão será formada por representantes das comunidades que vão procurar os prefeitos da região, para neste período tentar o diálogo com as empresas, caso isso não aconteça a paralisação no alojamento de aves terá início. Isso significa que assim que o avicultor entregar o lote não receberá mais as novas cargas de frango por tempo indeterminado.

Na próxima segunda feira dia 31 inicia, o STR (Sindicato dos Trabalhadores Rurais) inicia o roteiro de reuniões nos comunidades para o diálogo com todos os avicultores da região, nas visitas será organizada a comissão que tentará novamente o diálogo com as agroindústrias.

Os avicultores se dizem revoltados porque o mercado de frango apresenta crescimento de 28%, enquanto os produtores não estão conseguindo pagar os financiamentos dos investimentos realizados nos aviários.

DSCF3768.JPG


Assessoria de Imprensa Fetraf-Sul

www.fetrafsul.org.br

imprensa@fetrafsul.org.br

Última atualização em Qui, 27 de Janeiro de 2011 09:49

Resíduos do carvão afetam lavouras de arroz no Sul do Estado

E-mail Imprimir PDF
AddThis Social Bookmark Button


Depois das ultimas cheias que ocorreram na semana passada um problema tem tirado o sono de muitos rizicultores no município de Maracajá, sul de Santa Catarina. Junto com a água vieram resíduos de carvão mineral extraído no subsolo na cidade de Criciúma e arredores.

Produtores de fumo de SC reclamam de critérios para comercialização

E-mail Imprimir PDF
AddThis Social Bookmark Button
O ano de 2011 não começou como os produtores de fumo de Santa Catarina esperavam. Com o preço em baixa, os agricultores ainda enfrentam outro problema: as empresas fumageiras estão mais criteriosas com a seleção do tabaco. Para tentar negociar a situação, os produtores decidiram não entregar seus produtos às empresas até o próximo dia 31, quando ocorrerá uma rodada de negociações na cidade gaúcha de Santa Cruz do Sul.

Em homenagem, José Alencar agradece orações dos brasileiros

E-mail Imprimir PDF
AddThis Social Bookmark Button
O ex-vice-presidente da República foi homenageado em São Paulo e disse que está lutando para não morrer. Ao receber da Prefeitura de São Paulo a medalha 25 de janeiro, no aniversário da cidade, José Alencar afirmou que vive o momento mais crítico de sua vida.

Ele diz que chorou ao saber que o ex-presidente Lula e a presidente Dilma Rousseff viriam a São Paulo para participar da homenagem.

Muito abatido e em uma cadeira de rodas, Alencar chegou à sede da Prefeitura em um carro acompanhado por uma ambulância.

Emocionado e falando com dificuldade, o ex-vice-presidente agradeceu às orações dos brasileiros, independente do resultado do tratamento:

- Clique aqui para ouvir

A presidente Dilma Rousseff ressaltou a importância de José Alencar nos oito anos do governo Lula. Segundo ela, com espírito crítico e empreendedor:

- Clique aqui para ouvir

Por conta do estado de saúde delicado do ex-vice-presidente, a cerimônia durou apenas meia hora e, em seguida, ele retornou ao hospital Sírio Libanês.

Em 90 dias, José Alencar só deixou a internação para ir à Brasília e voltar no mesmo dia e para passar uma noite no apartamento dele, na capital paulista.

Há mais de dez anos o empresário e político luta contra o câncer, que é combatido com quimioterapia e hemodiálise e se agravou nos últimos meses.
 
alt
Última atualização em Qua, 26 de Janeiro de 2011 08:27

Página 365 de 369

Joomlart