Voce esta aqui: Imprensa Notícias

Últimas Notícias

Fetraf-RS entrega pauta de reivindicações ao governador do RS

E-mail Imprimir PDF
AddThis Social Bookmark Button

11039969_789419154487623_261770464_n

A Fetraf-RS entregou a pauta estadual de reivindicações da Federação na tarde da última segunda-feira (09) ao governador do estado do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori, na abertura do Pavilhão da Agricultura Familiar da 16º Expodireto, em Não-Me-Toque/RS. O documento sugere políticas públicas para o fortalecimento da agricultura e dos agricultores familiares compreendendo as temáticas relacionadas ao leite, habitação, mulheres, juventude, meio ambiente, regularização fundiária, dentre outros. Na ocasião, a coordenadora geral, Cleonice Back, ressaltou a importância da continuidade e fortalecimento da Secretaria de Desenvolvimento Rural e Cooperativismo (SDR) e, pediu atenção especial do estado para setor leiteiro que passa por grave crise.

A coordenadora destacou ainda a expectativa da Fetraf em iniciar um processo de negociação com o governo estadual. “Precisamos dialogar para construirmos os avanços necessários para melhorar a qualidade de vida dos agricultores familiares, ultimamente muito afetados pelos baixos preços dos produtos e, pela crise láctea”, frisou. Sartori prometeu estabelecer diálogo com a Federação para discutir as políticas públicas para a agricultura familiar.

Participaram da cerimônia o secretário da agricultura, Ernani Polo, da SRD, Tarcísio Minetto, o presidente da Assembleia Legislativa, Edson Brum, presidente da Emater, Clair Kuhn, deputado estadual Altemir Tortelli, dirigentes estaduais e regionais da Fetraf-RS e demais lideranças e autoridades.

Fetraf-RS presente na 16ª Expodireto

E-mail Imprimir PDF
AddThis Social Bookmark Button

Abertura_Expodireto_-_Copia
A Fetraf-RS está presente na 16ª edição da Expodireto que iniciou nesta segunda-feira (09) e se estende até a próxima sexta-feira (13) em Não-Me-Toque/RS. A Federação conta com um stand institucional além de estar representada por onze agroindústrias e cooperativas familiares no evento que deve reunir cerca de 230 mil visitantes do Brasil e exterior.

As agroindústrias e cooperativas ligadas à Fetraf-RS comercializam até o dia 13 uma grande variedade de delícias e sabores do campo. Vinhos, queijos, sucos, embutidos, panificados, geleias, doces, salgados, erva-mate e até cuias poderão ser adquiridas pelos visitantes da feira.

A Expodireto tem grande relevância para as agroindústrias, pelo seu potencial de vendas. O empreendedor familiar Rogério Negrello da agroindústria “Negrello” participa de 6 feiras por ano e conta que essa só perde para a Expointer em termos de comercialização. “Além de oportunizar muitas vendas a Expodireto também marca o início das exposições anuais e entrada de dinheiro que vai financiar parte da produção anual” salienta. Negrello trouxe 1 tonelada de frutas cristalizadas e doces com as quais espera faturar em torno de R$ 10 mil.

Veja a relação de agroindústrias presentes no evento:
Agroindústria Carraro – Monte Alegre dos Campos/RS
Agroindústria Negrello – Barão/RS
Cachaçaria Velho Alambique – Santa Tereza/RS
Cooperfamília – Erechim/RS
Cooperac – Constantina/RS
Cuias Thierry – Vicente Dutra/RS
Embutidos Bergamaschi - Fagundes Varela/RS
Embutidos Vetorazzi – Constantina/RS
Embutidos Saci – Crissiumal/RS
Ervateira Rainha do Sul – Novo Barreiro/RS
Vinícola Bassani – Fagundes Varela/RS

Última atualização em Seg, 09 de Março de 2015 16:55

Fumicultores protestam em Canoinhas

E-mail Imprimir PDF
AddThis Social Bookmark Button
m_IMG-20150309-WA0000

Fumicultores catarinenses estão participando de uma mobilização nesta segunda-feira, 09, no município de Canoinhas – SC e reivindicando junto às empresas fumageiras aumento do preço pago pelo fumo e a diminuição das classes do produto. A Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar da Região Sul (FETRAF-SUL/CUT) em Santa Catarina está acompanhando o movimento.

Parabéns Mulheres!

E-mail Imprimir PDF
AddThis Social Bookmark Button

carto_dia_da_mulher_2_-_Copia

A Fetraf parabeniza a todas as mulheres agricultoras familiares, jovens e também às mulheres dirigentes da Federação e sindicatos pelo seu dia, a ser comemorado no próximo domingo, 08 de março. Nos orgulhamos por representar e lutar pelas guerreiras mulheres do campo e, também por ter algumas delas em nosso quadro de dirigentes!

A história da agricultura tem profunda relação com as mulheres pois, o hábito de plantar e cultivar os alimentos foi iniciado por elas. Ao longo do processo evolutivo agrícola, as mulheres exerceram papel fundamental: ajudando na produção de alimentos para a venda e para alimentação da família, cultivando antigos hábitos e culturas que passam de geração para geração, preservando os recursos, enfim, cuidando da terra e da vida daqueles que a rodeiam. 

Muitas foram as conquistas e reconhecimento delas ao longo dos anos, como a aposentadoria, o salário maternidade, o crédito especial, no entanto, diante da importância que as mulheres têm para o campo e, para a continuidade da agricultura, muitos ainda são os desafios e, é para superá-los que a Fetraf com orgulho, luta por vocês e as representa!

Atualmente não é possível discutir agricultura familiar sem inserir no debate, a questão de gênero. A continuidade da agricultura familiar e da produção de alimentos está diretamente ligada à permanência das mulheres no meio rural.
Por isso, mulheres, o nosso reconhecimento ao seu protagonismo e sua relevância para a agricultura familiar de hoje e do futuro!
Só podemos agradecer por tudo que fazem pelo fortalecimento do campo e pela construção de um mundo mais belo!

Última atualização em Sex, 06 de Março de 2015 17:03

08 de março: Dia da Mulher!

E-mail Imprimir PDF
AddThis Social Bookmark Button
m_Mulher_1234

Federação entrega pauta ao governo catarinense

E-mail Imprimir PDF
AddThis Social Bookmark Button

A FETRAF-SUL/CUT em Santa Catarina e a Via Campesina entregaram a pauta de reivindicações da agricultura familiar nesta quinta-feira, 05, para a Secretaria de Educação, Agricultura, Casa Civil catarinense e aos representantes da Celesc. Em trinta dias o Estado convocará novamente as entidades da agricultura familiar e camponesa para estabelecer a mesa de negociações dos pontos de pauta.

Página 3 de 347

Joomlart